Se você já é veterano no quesito produção de conteúdo, certamente já investiu horas (e talvez dias) na produção de cada uma das suas publicações. Mas se você é novato, cedo ou tarde terá que lidar com essa tarefa — os conteúdos até podem ter uma exposição sólida quando foi lançado pela primeira vez, porém, meses depois, facilmente se torna conteúdo obsoleto, negligenciado e quase ignorado. Como você pode usar melhor esse conteúdo antigo? Re-otimizando as melhores publicações! Com isso em mente, a Menina Digital apresenta hoje 3 ferramentas para otimizar conteúdo antigo e impulsionar o tráfego orgânico. CONFIRA!

♦ LEIA TAMBÉM: Super SEO Checklist Para Profissionais do Marketing de Conteúdo

Logo de cara, a re-otimização do seu conteúdo antigo tem dois benefícios importantes:

  1. Os backlinks acumulados farão com que os seus esforços de re-otimização se beneficiem — por meio de classificações aprimoradas — de maneira mais rápida e fácil.
  2. Revisitar o conteúdo antigo cria uma oportunidade para atualizá-lo removendo dados desatualizados e/ou adicionando algo novo.
Use a combinação de critérios para identificar as páginas existentes dignas de serem re-otimizadas:
  • Páginas com conteúdo desatualizado (dados antigos, ferramentas descontinuadas, etc): se esses conteúdos ainda  recebem cliques, você não deve desperdiçar a visita dos seis leitores. Edite a página para garantir a sua precisão e otimizar novamente com base em seu novo desempenho.
  • Páginas com o tráfego orgânico aumentando ou diminuindo lentamente: saiba reconhecer os sinais para diversificar os rankings e readicionar a sua concorrência orgânica ou reforçar o crescimento otimizando melhor a página.
  • Páginas presas na segunda página dos resultados de pesquisa do Google: deve ser mais fácil mover o seu site da segunda página para a primeira nos resultados da pesquisa do que ir da página 10 para a página um. Um artigo que aparece na página 2 provavelmente precisa de um pouco mais de trabalho.

Depois de escolher as páginas que acredita que merecem ser trabalhadas, as ferramentas a seguir podem ajudar você nessa parte da jornada. Explore à vontade!

1. Text Optmizer: inclue palavras-chave e conceitos relacionados

Ano após ano, o algoritmo do Google está ficando mais inteligente. A boa notícia é que podemos aprender com isso e adaptar os nossos conteúdos de acordo. Vale lembrar que o algoritmo do Google gera snippets com base nos trechos de cada página que melhor se relacionam com a pesquisa do utilizador.

Se você já é veterano no quesito produção de conteúdo, certamente já investiu horas (e talvez dias) na produção de cada uma das suas publicações. Este conteúdo até teve uma exposição sólida quando foi lançado pela primeira vez, porém, meses depois, facilmente se torna conteúdo obsoleto, negligenciado e quase ignorado. Como você pode usar melhor esse conteúdo antigo? Reotimize-o! Confira essas 3 ferramentas para otimizar conteúdo antigo e impulsionar o tráfego orgânico! ➤ Marketing de Conteúdo, Redes Sociais, Content Marketing, Social Media, Tendências 2019, Inteligência Artificial, Estratégias Online, Estratégias Digitais, Marketing Digital 360, Search Engine Optimization
Você pode analisar esses snippets de pesquisa e extrair termos e conceitos relacionados.

Text Optimizer (versões gratuitas e pagas) analisa as páginas de resultados de pesquisa do Google ou Bing, extrai termos comuns e usa a análise semântica para fornecer uma lista de tópicos e palavras-chave que você deve usar para tornar seu conteúdo antigo mais relevante para a consulta específica.

Se você já é veterano no quesito produção de conteúdo, certamente já investiu horas (e talvez dias) na produção de cada uma das suas publicações. Este conteúdo até teve uma exposição sólida quando foi lançado pela primeira vez, porém, meses depois, facilmente se torna conteúdo obsoleto, negligenciado e quase ignorado. Como você pode usar melhor esse conteúdo antigo? Reotimize-o! Confira essas 3 ferramentas para otimizar conteúdo antigo e impulsionar o tráfego orgânico! ➤ Marketing de Conteúdo, Redes Sociais, Content Marketing, Social Media, Tendências 2019, Inteligência Artificial, Estratégias Online, Estratégias Digitais, Marketing Digital 360, Search Engine Optimization

Você não precisa otimizar o conteúdo antigo relativamente a todos esses indicados. Tente incorporar um conjunto de 15 em seu conteúdo e, em seguida, execute a ferramenta para ver como ela melhora sua pontuação. Repita o processo até o conteúdo atingir 90 ou mais.

Se você já é veterano no quesito produção de conteúdo, certamente já investiu horas (e talvez dias) na produção de cada uma das suas publicações. Este conteúdo até teve uma exposição sólida quando foi lançado pela primeira vez, porém, meses depois, facilmente se torna conteúdo obsoleto, negligenciado e quase ignorado. Como você pode usar melhor esse conteúdo antigo? Reotimize-o! Confira essas 3 ferramentas para otimizar conteúdo antigo e impulsionar o tráfego orgânico! ➤ Marketing de Conteúdo, Redes Sociais, Content Marketing, Social Media, Tendências 2019, Inteligência Artificial, Estratégias Online, Estratégias Digitais, Marketing Digital 360, Search Engine Optimization
A ferramenta também fornece sugestões editoriais, ou seja, perguntas populares sobre o seu tópico que ajudarão você a criar uma cópia mais detalhada. Se alguma dessas questões for relevante para o seu conteúdo antigo, incorpore as respostas nele.

O Text Optimizer pode funcionar como uma extensão do Google Chrome, facilitando o acesso e a execução da ferramenta nas páginas do seu site.

2. Serpstat: soluciona lacunas de palavras-chave de pesquisa

A pesquisa de lacunas de palavras-chave é uma tática relativamente nova que permite descobrir quais palavras-chave seus concorrentes classificam enquanto a sua página não aparece no ranking.

A pesquisa de lacunas de palavras-chave com Serpstat funciona melhor para páginas que já apresentam bom desempenho para algumas consultas, mas não necessariamente para as mesmas palavras-chave através das quais os seus concorrentes se classificam no ranking dos motores de busca.

Para analisar as lacunas de conteúdo em uma página:

  • Pesquise a palavra-chave primária no Google.
  • Selecione os dois principais URLs e coloque-os na ferramenta URL vs URL do Serpstat.

A ferramenta verifica as palavras-chave com bom desempenho para seu URL, bem como as de dois URLs de concorrentes, oferecendo resultados limitados gratuitos, com planos pagos a partir de US$ 19/mês). Ele cria um prático diagrama de Venn, mostrando o quão longe sua página está das URLs concorrentes.

Se você já é veterano no quesito produção de conteúdo, certamente já investiu horas (e talvez dias) na produção de cada uma das suas publicações. Este conteúdo até teve uma exposição sólida quando foi lançado pela primeira vez, porém, meses depois, facilmente se torna conteúdo obsoleto, negligenciado e quase ignorado. Como você pode usar melhor esse conteúdo antigo? Reotimize-o! Confira essas 3 ferramentas para otimizar conteúdo antigo e impulsionar o tráfego orgânico! ➤ Marketing de Conteúdo, Redes Sociais, Content Marketing, Social Media, Tendências 2019, Inteligência Artificial, Estratégias Online, Estratégias Digitais, Marketing Digital 360, Search Engine Optimization
Cada seção sobreposta do diagrama de Venn representa consultas comuns. Sua lacuna de conteúdo é onde os círculos que representam seus concorrentes não estão se sobrepondo ao círculo que representa a sua página.

O diagrama de Venn é interativo. Você pode clicar em qualquer uma de suas seções e as consultas correspondentes são carregadas com métricas interessantes que ajudam você a avaliar a popularidade de cada termo (volume de pesquisa) e seu valor comercial (concorrência CPC e PPC). Com essas informações em mãos, você pode atualizar sua página antiga com seções que abordam as consultas com as maiores lacunas.

3. Featured Snippet Tool: inclue “pesquisas relacionadas a”

Quando o assunto é otimização de conteúdo, o Google dá muitas pistas para alcançarmos nossos objetivos. Tudo o que precisanos fazer é olhar mais de perto as páginas de resultados dos mecanismos de busca. Uma das seções mais úteis é a caixa “pesquisas relacionadas a” que mostra as consultas relacionadas.

Ao contrário da ferramenta Text Optimizer, que se baseia na análise semântica de uma página de resultados de pesquisa, a seção “pesquisas relacionadas a” é baseada no comportamento do utilizador — o que tendem a pesquisar antes ou depois da pesquisa atual.

Se você já é veterano no quesito produção de conteúdo, certamente já investiu horas (e talvez dias) na produção de cada uma das suas publicações. Este conteúdo até teve uma exposição sólida quando foi lançado pela primeira vez, porém, meses depois, facilmente se torna conteúdo obsoleto, negligenciado e quase ignorado. Como você pode usar melhor esse conteúdo antigo? Reotimize-o! Confira essas 3 ferramentas para otimizar conteúdo antigo e impulsionar o tráfego orgânico! ➤ Marketing de Conteúdo, Redes Sociais, Content Marketing, Social Media, Tendências 2019, Inteligência Artificial, Estratégias Online, Estratégias Digitais, Marketing Digital 360, Search Engine Optimization
Alguns dos termos de pesquisa podem estar distantemente relacionados. Tenha isso em mente quando decidir usar os termos na revisão de seu conteúdo antigo ou para criar um novo conteúdo.

Ainda assim, a natureza comportamental dessa análise é útil, pois permite que você entenda melhor os interesses relacionados ao público-alvo e como a página pode ser revisada para atender a esses interesses.

Featured Snippet Tool coleta e organiza as “pesquisas relacionadas a” palavras-chave para consultas nas quais sua página já está classificada (a ferramenta é paga e começa com planos a partir de US$ 99/mês).

Insira seu URL e descubra os snippets em destaque, “as pessoas também perguntam” e “pesquisas relacionadas a” para sua página. Clique na terceira guia para ver as sugestões de pesquisa relacionadas mais populares para todas as consultas em que sua página de destino é exibida.

Se você já é veterano no quesito produção de conteúdo, certamente já investiu horas (e talvez dias) na produção de cada uma das suas publicações. Este conteúdo até teve uma exposição sólida quando foi lançado pela primeira vez, porém, meses depois, facilmente se torna conteúdo obsoleto, negligenciado e quase ignorado. Como você pode usar melhor esse conteúdo antigo? Reotimize-o! Confira essas 3 ferramentas para otimizar conteúdo antigo e impulsionar o tráfego orgânico! ➤ Marketing de Conteúdo, Redes Sociais, Content Marketing, Social Media, Tendências 2019, Inteligência Artificial, Estratégias Online, Estratégias Digitais, Marketing Digital 360, Search Engine Optimization

Você pode verificar os termos que deseja adicionar ao seu conteúdo antigo e exportar a lista para ajudar a moldar seu conteúdo em torno deles.

O que fazer com todas essas novas palavras-chave

Usando uma das três ferramentas acima, você terá uma lista sólida de novas palavras-chave relacionadas para incluir em seu conteúdo antigo. Mas deve estar se perguntando: “e agora, o que eu faço com toda essa informação?”.

Não há sombras de dúvida de que otimização de conteúdo merece um artigo separado, focado nessa temática. Porém, abaixo você pode conferir algumas dicas sobre o que você precisa fazer, pelo menos para ter por onde começar:

  • Adicione novas seções de conteúdo cobrindo os novos conceitos e termos que você descobriu (na maioria dos casos, você precisará escrever um novo conteúdo).
  • Use os subtítulos H2 e H3 para apresentar essas novas seções (bem como reestruturar seu conteúdo existente). Os subtítulos H2 e H3 ajudam os mecanismos de pesquisa a entender melhor o seu conteúdo, além de permitir que ele seja exibido na pesquisa.
  • Crie e faça o upload de novas imagens usando SEO básico para incluir esses termos principais e relacionados no Alt Text. Não se esqueça de otimizar essas imagens para dispositivos móveis.
  • Certifique-se de que a página ao vivo atualizada esteja otimizada para os mecanismos de pesquisa e a experiência do usuário (móvel).

Para concluir…

É importante ter em mente que a otimização de conteúdo leva tempo e necessita de muita pesquisa prévia. A boa notícia é que, quando se trata de páginas já existentes, trata-se principalmente de ajustes e expansão da cópia existente, em vez de escrever do zero.

Você está usando outras ferramentas que não estão nesta para otimizar o seu conteúdo existente? Por favor, compartilhe conosco! Sinta-se à vontade para incluir ferramentas adicionais nos comentários.


O que você vai querer ler a seguir

Agora que você já conhece essas 3 ferramentas para otimizar conteúdo antigo e impulsionar o tráfego orgânico (e enquanto espera pela publicação do próximo artigo), aqui estão alguns recursos adicionais para ajudar você a começar o ano com marketing de alto desempenho:

Quer ser o primeiro a saber sobre os recursos mais recentes impulsionar ainda mais a sua Agência de Marketing Digital? Assine a nossa newsletter e junte-se aos milhares de profissionais de marketing que já estão usando estratégias como estas para expandir seus negócios on-line.

E NÃO SE ESQUEÇA DE ASSINAR A NOSSA NEWSLETTER!


Fonte: contentmarketinginstitute.com

Publicado por:CAssis

Jornalista e blogger há mais de uma década, a Menina Digital nasce trazendo consigo uma oportunidade perfeita para colocar a minha paixão pela escrita e pelo Marketing Digital em ação. 📌 DICAS SOBRE: Marketing Digital, Marketing de Conteúdo, Gestão de Redes Sociais, Copywriter, Inbound Marketing e muito mais!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s